Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado em 21 de março

A proposta da educação inclusiva é acolher e dar condições para a pessoa com necessidades especiais exercer seus direitos no que tange ao cumprimento da inclusão

O dia 21 de março foi escolhido como dia Internacional da Síndrome de Down. A data visa chamar a atenção, especialmente das pessoas pouco informadas, sobre as potencialidades das pessoas com a Síndrome de Down e conscientizar sobre a importância da luta pelos direitos igualitários, bem-estar e  inclusão destes na sociedade. 

A criança com Síndrome de Down deve ser matriculada em escola regular, junto com todas as outras crianças. Essa convivência é extremamente saudável para todos e é a conduta mais eficiente para o seu desenvolvimento e aprendizagem.

A sra. Karina D’Avila, mãe de Luiza D’Avila, 2 anos, portadora de Síndrome de Down e aluna do Maternal I, contou que quando recebeu a notícia de que a filha era portadora da síndrome surgiram alguns receios e dúvidas, pois era algo até então desconhecido para os pais: ‘’Foi um mundo novo que aprendemos a desbravar, confirmando todo o amor que sentimos por ela e acreditando que não há diferenças, nós é que temos que fazer a diferença na vida dela’’.

 

A proposta da educação inclusiva é acolher e dar condições para a pessoa com necessidades especiais exercer seus direitos no que tange ao cumprimento da inclusão, criando um regime escolar  capaz de atender todas as crianças.

‘’Meu sonho é que o mundo seja mais justo para todos os que têm necessidades especiais. Que não só a minha, mas todas as outras ‘Luizas’ desse mundo possam ser vistas e reconhecidas como seres humanos, tendo seus direitos e deveres respeitados e que possam ocupar seu espaço na sociedade tanto no âmbito emocional como profissional”, explicou Karina.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestDigg thisShare on TumblrShare on RedditShare on StumbleUponShare on VKShare on YummlyFlattr the authorBuffer this pageShare on LinkedIn
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *